Livros Resenhas

[Resenha] – Como eu era antes de você

Como eu era antes de você

Eu adiei o máximo que pude para escrever essa resenha, mas quando a Vanessa da Intrínseca enviou um e-mail a respeito da semana especial Jojo Moyes, eu decidi que era a hora de superar e começar a escrever como foi esse meu primeiro contato com a escrita dessa autora que eu tanto amo. Eu sei que a história desse livro não é novidade pra praticamente ninguém, principalmente porque a adaptação cinematográfica foi lançada em Junho desse ano. Mas ok, acho que expor tudo o que eu senti durante essa leitura é extremamente válido.

Também queria deixar registrado que eu demorei um bom tempo para criar coragem e ler essa obra. Ela ficou parada em minha estante por cerca de 1 ano, e só decidi ler por influência da minha amiga Ana, e também porque a adaptação estava para ser lançada. Acredito que realizei a leitura no momento certo, principalmente porque me segurei ao máximo para não ver nenhum trailer do filme – eu queria descobrir tudo e todos os detalhes sozinha. Foi a melhor escolha que já fiz? Com toda certeza!

O livro nos conta a história de Louisa Clark, uma moça extremamente cativante, divertida, dedicada e com uma força de vontade indescritível. Após perder o emprego em uma cafeteria, Lou começa a trabalhar como cuidadora de Will Traynor. Diferente de Lou, Will é uma pessoa muito mais reservada, difícil de lidar, cheio de mistérios e com um humor que muda da água para o vinho. Aos poucos Lou e Will vão se aproximando e acabam descobrindo coisas sobre si mesmos e também maneiras de serem pessoas melhores.

Me before you

Precisei colocar essa imagem da adaptação porque eu amei o filme! ♥

E é nesse clima que uma amizade muito bonita começa a surgir, e Lou começa a se dedicar para transformar os dias de Will em ótimas lembranças. Apesar das limitações do nosso personagem principal, ele se deixa levar pelas boas vibrações de Lou e acaba sedendo aos divertidos passeios, conversas e risadas. Nem preciso dizer que super amei essa ligação entre eles, né? Gosto quando os personagens são verdadeiros (ok, alguns podem dizer que o Will não foi 100% verdadeiro, mas eu acho que ele foi sim, pois não escondeu de ninguém suas escolhas e verdades), e apesar de inúmeros imprevistos, os dois sempre estavam juntos, aprendendo um com o outro e tirando sorrisos da leitora que vos escreve 😛

Os personagens secundários também tiveram grande importância no livro (e não era tudo mil maravilhas igual vimos no filme): os pais de Will não aceitaram de boa a decisão do filho, e pra falar a verdade, eles eram um casal um tanto quanto estranho; Nathan foi um personagem que me encantou com o seu jeito, principalmente porque acompanhou Will e Lou em grandes aventuras; eu não concordei com muitas atitudes da irmã de Lou (Katrina), principalmente porque a nossa personagem queridinha acabava se sentindo pressionada para fazer coisas que não queria; e por fim, os últimos dois personagens que, para mim, merecem grande destaque: os pais de Lou. Eu queria apertar a abraçar eles o tempo todo.

Como eu era antes de você

Eu não posso falar que consigo entender os motivos que levaram Will ser uma pessoa mais fechada. Ser uma pessoa cheia de vida e, por conta de um acidente, ser obrigado a viver o resto dos dias em uma cadeira de rodas e depender de todos não deve ser fácil. E Lou acaba se tornando uma luz no fim do túnel, algo que faz com que Will volte a sorrir e ser a pessoa querida que um dia foi. Dessa forma a Jojo nos deixa com inúmeras dúvidas a respeito do futuro de Lou e Will e a cada página, meu coração ia ficando mais quentinho (e também mais assustado).

Por conta da frequente mudança de humor de Will, eu acabei criando uma relação de amor e ódio com ele; Mas é muito difícil não cair em seus encantos. O jeito de Lou também é maravilhoso! Eu me identifiquei muito com ela, principalmente no quesito de se vestir sem se importar com o que os outros vão pensar. Pra falar a verdade, Lou e Will se tornou um dos meus ships preferidos no mundo literário.

Em Como eu era antes de você, Jojo nos presenteia com uma de suas mais belas histórias, escrita de uma maneira simples e de fácil compreensão, principalmente por abordar um tema que não é muito conhecido entre os leitores. Como eu disse, esse foi o meu primeiro contato com a escrita de Jojo e através de Como eu era antes de você eu pude conhecer uma das minhas autoras preferidas no mundo. Chorei muito com a história e demorei pra aceitar o que (e como) e algumas coisas aconteceram. Esse é um livro maravilhoso e apesar de dividir muitas opiniões, é uma leitura que eu recomendo pra caramba. E é impossível não se emocionar durante a leitura dessa obra… Para quem for ler, recomendo deixar uma caixa de lencinhos por perto.

— Sabe de uma coisa?

Eu podia passar a noite toda olhando para ele. Para o brilho no canto dos seus olhos. Para o lugar onde o pescoço encontrava o ombro.

— O quê?

— Às vezes, Clark, você é a única coisa que me dá vontade de levantar da cama.


 

  • Editora: Intrínseca
  • ISBN: 9788580573299
  • Autor(es): Jojo Moyes
  • Páginas: 320 páginas
  • Ano: 2013
  • Adicione no Skoob

Posts relacionados

1 comentário

  • Reply
    Uma semana para os #JojoLovers – Editora Intrínseca
    setembro 23, 2016 at 6:24 pm

    […] que livros | Parafraseando livros | Feed your Head | Menino literário | Além do livro | Procurei em sonhos| Menina da Bahia | Livros e fuxicos | Livrólogos | Cabana do Leitor | Mãegnifica | […]

Escrever um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.