Procurei em Sonhos
Correio dos Sonhos
Sorteio Bienal do Livro
Projeto de Leitura

Eu li: Tudo o que nunca contei

Decidi dar uma chance ao livro Tudo o que nunca contei porque vi a Ana do Poesia Destilada falando sobre a obra, e não me arrependi dessa decisão.

O livro se passa na década de 70, e logo de cara a autora joga uma bomba nas mãos de quem está lendo: a protagonista da obra, Lydia, está morta. E ninguém sabe como ou porque isso aconteceu.

Intercalado entre o passado e o presente dos personagens, aos poucos é possível conhecer mais a respeito da família Lee, além de acontecimentos marcantes da infância de Lydia e a relação dela com seu irmão mais velho, Nath. Aliás, as situações vividas pelos Lee são tão caóticas e compreensivas, que acabam tornando todo o drama descrito na trama mais real.

Apesar de em alguns momentos a narrativa ser um pouco arrastada, eu fiquei satisfeita com tudo o que encontrei em Tudo o que nunca contei. A leitura desse livro nos mostra que nem tudo é como nós queremos e que, infelizmente, alguns planos acabam não dando certo.

Eu me surpreendia a cada nova página lida, sofria com os personagens, e conseguia entender e compreender vários lados de uma mesma história. E aí eu pude identificar a mistura de realidade e ficção na narrativa de Celeste Ng, pois é muito normal uma situação onde alguém prefere guardar segredos, sentimentos e ideias a respeito de determinados assuntos, e isso acaba virando uma imensa bola de neve.

Foi muito interessante saber um pouco mais sobre como as coisas eram diferentes nas décadas de 60/70. Fiquei bem chocada com alguns acontecimentos, mas gostei de como a autora situou e construiu sua obra e personagens. Se o livro se passasse nos dias de hoje, acho que não seria tão impactante.

Eu gostei bastante da escrita de Celeste Ng e estou bem curiosa para conferir seu novo lançamento, Pequenos incêndios por toda parte – que será uma das minhas próximas leituras.


Parceria Intrínseca

Eu li: Vidas na Noite
Desapego literário: livros foram feitos para serem lidos!
Eu li: As quatro portas do tesouro: O segredo de Lúcio
3 comentários
  • Aline

    Oi Cássia tudo bem?
    Acho que nunca tinha lido uma resenha desse livro.
    Realmente deve ser interessante conhecer um pouco mais da década dos anos 60/70.
    Com certeza ótima dica.
    Beijos

    Divagando Palavras
    http://www.divagandopalavras.com

    Responder
    • Cássia Vicentin

      Aline, esse livro é ótimo! Espero que você consiga lê-lo em breve!

      Responder
  • Amanda Larsen

    OMG!! Acho que preciso ler esse livro, gosto de mistérios que envolve com morte de alguém, tu falou que se passa nos anos 70 e refleti aqui pensando de como deve ser diferente o cotidiano naquela época e também as investigações, eu amei essa capa que quero ter na minha estante hahaha, está de parabéns pela resenha que flui muito bem <3

    Beijos
    http://www.mandyliine.blogspot.com

    Responder