Unboxing: Intrínsecos – Caixinha de Janeiro/2019

Em 15.01.2019   Arquivado em Correio dos Sonhos

Olá, sonhadores! Tudo bem com vocês?!

Eu sempre tive vontade de assinar esses clubes de livros, mas ainda não tinha encontrado algum que realmente fizesse meu investimento valer a pena. Mas quando a Intrínseca divulgou os detalhes sobre o Intrínsecos, eu finalmente percebi que a minha hora finalmente tinha chegado. Já falei sobre o intrínsecos nesse post e no dia 31/12/2018 eu realizei minha assinatura anual.

E aí quando eu recebi minha primeira caixinha oficial (porque eu já tinha recebido a primeira caixa em parceria com a editora), eu resolvi que iria fazer unboxing todo mês das caixinhas aqui no blog. Espero que vocês gostem da ideia e também desse modelo de post <3 Vamos lá?!

Logo quando abri a caixinha me deparei com uma notícia que parecia de jornal, e já fiquei bem curiosa para saber o que iria encontrar nessa edição do Intrínsecos…

Depois que retirei todo o jornal, comecei a admirar todos os itens que compunham essa caixinha. E o moleskine exclusivo do Intrínsecos ganhou meu coração logo de cara!

Também encontrei um imã em formato de pinguim que eu simplesmente AMEI e estou curiosa para saber a relação dele com a história (será se tem???)

Claro que não poderia faltar um marcador de páginas <3 e a Intrínseca também enviou uma espécie de cartão-postal temático do livro.

Também teve broche personalizado que é a coisa mais fofa desse mundo!

Quase chegando nos finalmentes, encontrei a revista temática dessa edição e estou bem curiosa para lê-la.

E o livro da edição #004 do Intrínsecos foi O caso da mansão Deboën, de Edgar Cantero . Eu nunca tinha ouvido falar dessa obra e nem desse autor, mas vou ler assim que possível!

E aí, alguém conhece esse livro ou autor? E vocês assinam algum clube de livros? Contem para mim nos comentários!

Beijos e até o próximo post