Textos

Sobre continuar existindo – ou qualquer coisa assim

Fonte: WeHeartIt

Pobre sonhadora.

Vive de palavras, emana nos versos e ri dos personagens. Embala seus sonhos nos contos, nas estrofes, nas rimas. Habita seu faz de contas, seu final feliz, seu próprio conto de fadas. E sorri seu sorriso mais afetuoso, mais completo, mais profundo…

Quando menos se espera, a infelicidade chega de mansinho, corrói a alma, derrama lágrimas. Como grande vilã da história, é algo inevitável. Ninguém sabe dizer de onde ela vem e para onde vai. Uns arriscam que é obra do tempo, do destino… Mas é impossível saber. Faz parte dos mistérios da vida; das nossas próprias escolhas. É um sentimento danado, que destrói o coração e gera turbilhões de dúvidas…

“Quem sou?”, “Para onde vou?”, “O que devo fazer?”.

A garota que é refém das palavras torna-se peça essencial para o quebra-cabeça dentro de seu próprio ser. Em suas veias circulam gotas de angustias. O peito aperta, e as lágrimas caem. E surge um pensamento, lá no fundo, como criança que quer brincar, mas tem medo…

“Você sabe o que fazer, garota! Você é forte, encare seus problemas…”

Respira fundo, procura diversas soluções e sempre encontra alguma que lhe agrade; que prove que ela realmente é capaz de enfrentar tudo o que acontece ao seu redor.

Sem pressa e sem medo sabe onde encontrar abrigo.

Abre mais um livro, mergulha em mais uma obra, cria laços. Uma tatuagem. Morada. Ligação impossível de se desfazer. E sente-se livre, realizada, completa. Vive de sonhos, doce sonhadora.

Fazia tempo que não postava nenhum texto pessoal. Espero que vocês gostem ^^

Posts relacionados

12 comentários

  • Reply
    Samuel Cardeal
    setembro 3, 2014 at 12:32 pm

    Achei muito gracioso. E eu já te falei o que devia fazer com esses textos.

    Beijo

  • Reply
    Carol Rodrigues
    setembro 3, 2014 at 12:56 pm

    Minha sonhadora preferida ♥

    Seus textos são carregados de sentimentos e é muito gostoso de se ler! Faça mais sim, como o colega Samuel sugeriu! Eu estou ansiosa pra ler mais sobre os seus pensamentos!

    Beijos da sua fadinha,
    http://www.estantedasfadas.com.br/

  • Reply
    Livy
    setembro 3, 2014 at 4:34 pm

    Oi Cá <3

    Lindo texto, me identifiquei com as palavras.
    Quero ver mais textos seus no blog =)

    Beijos,
    Livy
    No Mundo dos Livros

  • Reply
    Nana Guimarães
    setembro 3, 2014 at 5:32 pm

    Oi Cá! Tudo bem?
    Adorei seu texto,tão pessoal e poético o/
    Parabéns e continue assim :3
    Beijosss
    http://fomevontadeler.blogspot.com/

  • Reply
    Paula Juliana - Overdose Literária
    setembro 4, 2014 at 3:02 am

    Florzinha! Vc me fez chorar! Parecia que estava escrevendo para mim!
    É assim que me sinto quando eu leio, e as angustias e agonias que eu tenho vc soube muito bem expressar! Sei que é sobre vc, mas levei um pouquinho do seu texto comigo! Amei! Perfeito!
    Beijos

  • Reply
    Simeia Silva
    setembro 4, 2014 at 3:32 am

    Oi flor,amei o texto,bem delicado,daria uma ótima crônica.
    bjs

  • Reply
    Ju Souza
    setembro 4, 2014 at 11:31 am

    Oie Cá!
    Menina que texto lindooo, viajei em suas palavras. Levo um pouquinho dele comigo. Parabéns!!!
    Bjus
    Juh – Surtos Da Juleka

  • Reply
    Livros Encantos
    setembro 4, 2014 at 1:41 pm

    Cassia lindona adorei o texto. Continue postando . Lindo como o livro nos transporta a todos lugares e sana feridas . beijos

  • Reply
    NeyaRa
    setembro 4, 2014 at 2:53 pm

    Adorei o texto, sempre existe essa vozinha sábia que nos manda enfrentar a vida, e sempre encontramos a melhor maneira para isso.
    Beijo

  • Reply
    Geração Leitura
    setembro 4, 2014 at 10:16 pm

    Cássia,
    Que lindo. Nossa, eu amei o texto. Tem um teor de desabafo, confissão e um drama interior sendo posto em palavras. Eu adorei. Você tem talento com as palavras.

    Abraços
    Adriano
    GeraçãoLeitura.com || http://geracaoleiturapontocom.blogspot.com/

  • Reply
    Michelle Ladislau - As Leituras da Mila
    setembro 5, 2014 at 10:39 am

    Nossa querida
    Emocionante seu texto, me identifiquei muito com ele, parecia que estava falando sobre mim…
    Continue trazendo mais textos lindos, queria muito ter esse dom, como não posso, acompanharei de perto o seu.
    Beijos

  • Reply
    Mari Araujo
    setembro 7, 2014 at 11:44 pm

    Olá,
    Não conhecia seu blog e achei ele tão lindo que resolvi segui-lo pra não perde nadinha.
    Que lindo texto, tão real e delicado, que nos deixa tão próximo dessas palavras, realmente faz os leitores se identificarem logo de cara.
    Beijos Mari – Stories And Advice

Deixe uma resposta para NeyaRa Cancelar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.