Livros

Meus livros do Instituto Mojo

Bom dia, sonhadores! Tudo certo com vocês?!

Recentemente aproveitei uma promoção no site do Instituto Mojo e adquiri 3 livros + um especial de Anne de Green Gables. E quando eu recebi meu pacote eu fiquei A-P-A-I-X-O-N-A-D-A com o capricho livros e também com a qualidade gráfica das obras.

Continue lendo

Livros Resenhas

Um pouco sobre ‘O segredo de Ivy Collins’

Boa tarde, sonhadores ♥ Feliz Páscoa!

Recentemente li O segredo de Ivy Collins e hoje vou falar um pouquinho a respeito dessa obra com vocês.

O segredo de Ivy Collins foi uma maravilhosa surpresa para mim. Eu estava vendo um burburinho a respeito dessa obra no Instagram, e resolvi conhecer a história antes mesmo do lançamento, por isso acabei adquirindo o livro na pré venda da Amazon. No dia do lançamento, devorei o livro em poucas horas e fiquei muito feliz pela experiência de leitura dessa obra.

Continue lendo

Livros

28 livros que marcaram minha vida

Oi, sonhadores! Tudo certo com vocês?

Na última segunda feira completei 28 anos e decidi fazer uma lista aqui no blog com vinte e oito livros que marcaram a minha vida. Espero que vocês gostem desse post, afinal, preparei tudo com muito carinho ♥

» Crepúsculo: Obviamente não poderia deixar de citar um dos meus livros preferidos da vida, e optei por começar a lista por ele. Já tive minhas várias fases em relação ao universo criado por Stephenie Meyer, mas hoje em dia tenho orgulho de falar que sou Crepusculete assumida.

» Orgulho & Preconceito + Desejo à meia noite: Esses foram os dois livros responsáveis pela minha paixão pelos gêneros de romance de época e histórico.

» Métrica + Um caso perdido: Não poderia deixar de citar a CoHo nesse post, e por isso optei por mencionar esses dois títulos.

» Lolita + Entrevista com o vampiro + O diário de Anne Frank: Li esses livros por incentivo do meu irmão, e graças à eles (livros e Bruno), hoje sou essa ratinha de biblioteca. Tenho muita vontade de reler essas obras, mas ainda não tive oportunidade.

» Harry Potter e a pedra filosofal: Esse também foi um dos primeiros títulos que li. Não sou a maior fã dessa série – inclusive ainda não finalizei a leitura de todos os livros – mas o Harry, Hermione e Rony têm um lugar muito especial no meu coração e na minha trajetória enquanto leitora.

Continue lendo

Livros Resenhas

Eu li: Eu não sei quem você é

Eu não sei quem você é foi o terceiro livro recebido em 2021 pela caixinha Tag Inéditos. O livro foi escrito por Penny Hancock e a tradução foi realizada pelo Davi Boaventura. Não sei quando o livro será publicado, mas será pela editora Dublinense. Assim que recebi meu exemplar eu fiquei bem curiosa para ler a obra. Logo na revistinha descobri que Eu não sei quem você é abordava temas sensíveis e que poderiam causar algum tipo de gatilho, mas resolvi ler mesmo assim.

Os capítulos são intercalados entre as perspectivas de Holly (em primeira pessoa) e Jules (em terceira pessoa). Achei essa característica da obra muito interessante, porque assim era possível ter uma visão de como era a amizade das duas, além de acontecimentos envolvendo o passado delas, já que elas sempre foram muito amigas. Por serem super amigas, Holly e Jules possuem uma ligação muito forte e seus filhos, Saul de 16 anos e Saffie de 13 anos (respectivamente) são considerados filhos especiais na relação entre elas (é como se uma fosse madrinha do filho da outra).

Continue lendo

Livros Resenhas

Eu li: O morro dos ventos uivantes

Oi, sonhadores! Tudo certo com vocês?!

Em fevereiro eu realizei a leitura de O morro dos ventos uivantes da autora Emily Brontë. Eu não conhecia muito a respeito da história, mas já tinha assistido algumas partes da adaptação. Lembro que na época eu fiquei com medo dos personagens e acho que por isso acabei deletando essa memória da minha cabeça… Mas outro dia eu estava na casa do Blinho e estava sem livro para ler. O exemplar de O morro dos ventos uivantes olhou pra mim, eu olhei pra ele e minha sogra falou “acho que você vai gostar”. E pra variar ela estava certa ♥

O livro nos conta a história de Lockwood, que após chegar em sua nova residência no interior da Inglaterra conhece o misterioso Heathcliff, dono da propriedade onde vai se hospedar. Mas algo em Heathcliff despertou a curiosidade de Lockwood, e graças a Deus a governanta Nelly estava disposta a sanar todas as dúvidas a respeito de seu patrão e contar a Lockwood a (não tão) linda história de amor entre Heathcliff e Cathy, e como a vida foi (in)justa com ambos. Aliás, além da história dos dois, o sr. Lockwood também descobre mais a respeito das famílias Earnshaw e Linton, uma vez que a história narrada em O morro dos ventos uivantes diz respeito a mais do que uma geração dessas famílias.

Continue lendo